Edital de chamada | Dossiê temático da RPDS: 20 anos da graduação em psicologia da BAHIANA

Prezados(a) autores(as),

Há 20 anos nascia o bacharelado em psicologia da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. No intuito de formar psicólogos capacitados para atuarem em diferentes contextos profissionais e científicos, promovendo saúde e qualidade de vida de indivíduos, grupos, organizações e comunidades de forma crítica e atenta à dimensão social e à preservação dos direitos humanos, a graduação em psicologia da BAHIANA foi construída com intensa formação cidadã. Isso tem possibilitado aos seus egressos a atuação como agentes transformadores na construção de uma sociedade mais democrática e menos desigual e a trabalharem assim nas dimensões psicossocial, psicodinâmica, institucional, comunitária e científica.

Para celebrar essa conquista à psicologia nacional, enquanto ciência e enquanto profissão, convidamos a comunidade de discentes do curso (tanto aqueles que se encontram correntemente matriculados quanto os egressos) e docentes que participaram ou que participam da história dessa graduação a submeterem relatos de experiência e artigos originais para um dossiê temático sobre a graduação em psicologia da BAHIANA como celebração destes 20 anos de história.

O dossiê será publicado na Revista Psicologia Diversidade e Saúde – RPDS (ISSN: 2317-3394), vinculada ao portal BAHIANA Journals (https://journals.bahiana.edu.br/). O portal é mantido pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, com seis títulos totalmente em Acesso Aberto e sem custos de submissão ou de publicação repassados aos autores.

A RPDS é indexada no Directory of Open Access Journals desde 2016 e, em 2019, recebeu parecer favorável ao ingresso na coleção Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde – LILACS.

Seu conselho editorial é composto por pesquisadores brasileiros e estrangeiros, especializados em psicologia e suas interfaces, tais como clínica ampliada, estudos de gênero e diversidade, educação, psicanálise, psicologia hospitalar, psicologia organizacional, políticas públicas em saúde, saúde mental e qualidade de vida, no intuito de abarcar a psicologia em sua diversidade de manifestações teórico-metodológicas e epistemológicas.

É uma revista que se constitui assim em um fórum e em um convite ao diálogo e ao debate livre de ideias.

Orientações para submissão ao Dossiê

  • Os autores devem ler e cumprir as recomendações das Políticas de Seção e as normas de submissão da RPDS, inclusive o fornecimento de ORCIDs e listas de contribuições autorais ao desenvolvimento do trabalho submetido.
  • A submissão deve ser feita através do site da revista.
  • O prazo para envio dos trabalhos é 31 de maio de 2020.
  • As submissões estão abertas à comunidade acadêmica atual e a de ex-professores e ex-alunos, para tratarem sobre a experiência docente e discente na Graduação em Psicologia da BAHIANA em qualquer aspecto ou dimensão, sejam eles estágio, PIBIC, processo de construção de trabalho de conclusão de curso, de coordenação ou implantação de projetos científicos e/ou técnicos, pesquisas sobre o curso, seus estudantes, seus professores etc.
  • A pertinência e mérito científico dos trabalhos serão avaliados pelos editores do número temático e avaliadores ad hoc designados conforme política de avaliação por pares da revista.
  • O artigo poderá ser enviado em português, espanhol ou inglês e os autores são responsáveis pelo conteúdo, correção ortográfica, gramatical, de pontuação e de acentuação, assim como de aspectos éticos do trabalho conforme resoluções 466/2012 e 510/2016 do Conselho Nacional de Saúde – Ministério da Saúde do Brasil.
  • A RPDS adota as normas de publicação da American Psychological Association – APA (6ª edição, 2010).
  • No processo de preparação do manuscrito, a relevância social e científica deve estar explicitada.
  • Todo manuscrito independente de sua estrutura metodológica deverá conter: resumo, introdução, método, resultados, discussão – que poderá estar junto aos resultados em caso de estudos de abordagens qualitativa, ou separado em caso de abordagens quantitativas, seguidas pelas considerações finais ou conclusões.
  • Autocitações e notas de rodapé devem ser evitadas.

Contamos com a sua participação nesta importante discussão!

Marilda Castelar e Mônica Daltro
Editoras Científicas da Revista Psicologia Diversidade e Saúde

Sylvia Barreto
Editora convidada da Revista Psicologia Diversidade e Saúde – Dossiê Temático 20 anos da Graduação em Psicologia da BAHIANA

Carolina Barreto de Andrade / João de Deus Barreto Segundo
Editores executivos da Revista Psicologia Diversidade e Saúde

Katia Nunes Sá
Coordenadora do Núcleo de Comunicação Científica / BAHIANA Journals

Leave a Reply

Please log in using one of these methods to post your comment:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: