PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA SOBRE SOFRIMENTO PSÍQUICO E DEPRESSÃO DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NA EMERGÊNCIA

Autores

  • Michele Antunes Universidade Feevale

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v6i1.1138

Palavras-chave:

Assistência ambulatorial. Recursos Humanos de Enfermagem. Esgotamento Profissional

Resumo

Os profissionais da enfermagem que trabalham nos setores de emergência e urgência estão mais suscetíveis ao sofrimento psíquico e à depressão, pois o ambiente profissional com as características e organização do trabalho de implica em constantes situações estressoras. Objetivo: identificar a produção científica brasileira sobre as causas do sofrimento psíquico e depressão da equipe de enfermagem que atua nos serviços de emergência. Metodologia: revisão integrativa de caráter exploratório e descritivo nas bases de dados Literatura Latino-Americano e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e o repositório Scientific Electronic Library Online (Scielo), com as palavras-chave: “sofrimento psíquico” e “emergência” e “depressão”, no período de 2010 a 2016, resultando em uma amostra de sete estudos. Resultados: causas da depressão e sofrimento psíquico são a violência sofrida no seu ambiente de trabalho, os atendimentos emergenciais e os fatores organizacionais como o ambiente físico, normas institucionais, burocracia, comunicação, autonomia, recompensas, segurança) que com outros fatores como os pessoais e do trabalho, a dificuldade em separar o que é estresse físico ou psicológico e a vulnerabilidade psíquica a qual estes profissionais estão expostos, fatos estes que que podem estar associadas a sintomas de sofrimento psíquico e depressão. Conclusão: é necessário a elaboração de ações de prevenção e promoção da saúde do trabalhador que atuam na emergência, principalmente com foco multiprofissional. Ações como a elaboração de grupos de discussão e a prática da escuta qualificada com o auxílio de um psicólogo, poderiam ser implementadas.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Michele Antunes, Universidade Feevale
    Mestre em Enfermagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Doutoranda em Informática na Educação na UFRGS. Graduada em Enfermagem pela UFRGS. Professora Asssistente do curso de graduação em Enfermagem da Universidade Feevale.

Downloads

Publicado

24.04.2017

Edição

Seção

Estudos de Revisão: Sistemática ou Integrativa (apenas)

Como Citar

1.
Antunes M. PRODUÇÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA SOBRE SOFRIMENTO PSÍQUICO E DEPRESSÃO DA EQUIPE DE ENFERMAGEM NA EMERGÊNCIA. Rev Enf Contemp [Internet]. 24º de abril de 2017 [citado 13º de julho de 2024];6(1):68-72. Disponível em: https://journals.bahiana.edu.br/index.php/enfermagem/article/view/1138

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 25 26 27 28 29 30