A ENFERMAGEM E A ABORDAGEM DA MORTE INFANTIL: UM ESTUDO DE TRABALHOS QUALIS A

Autores

  • Yngrid Silveira Dos Santos Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
  • Larissa Cruz de Jesus Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
  • Sandra Dutra Cabral Portella Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v2i1.252

Palavras-chave:

Morte, Criança, Enfermagem

Resumo

Para os profissionais de enfermagem a morte é considerada a maior vilã de seu trabalho, e quando seu paciente é uma criança, a morte é interpretada como uma interrupção do seu ciclo biológico, isso provoca na equipe de enfermagem sentimentos negativos. Assim, os profissionais necessitam estar preparados para receber e cuidar dessas crianças e suas famílias, precisando compreender as reações e comportamentos que eles expõem diante o processo da morte. Este estudo, foi realizado a partir da pesquisa bibliográfica, teve como objetivo investigar estudos científicos que tratem da abordagem da enfermagem sobre a morte infantil com análise de trabalhos Qualis A. O levantamento dos artigos considerou-se publicações entre o período de 2005 a 2011. Os resultados e discussão deste estudo foram organizados e dispostos em uma tabela e diagrama, sendo este representado pelo núcleo central, Morte infantil e Enfermagem, distribuída em três categorias: Enfermagem com a criança no final da vida, Enfermagem com a família e a Enfermagem com a temática morte. Concluiu-se que são necessários estudos futuros que problematizem a possível dissociáveis semântica entre o tema morte infantil na enfermagem.

 

 

 

 

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Yngrid Silveira Dos Santos, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
    Graduanda em Enfermagem da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
  • Larissa Cruz de Jesus, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
    Graduanda em Enfermagem pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
  • Sandra Dutra Cabral Portella, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
    Professora Assistente da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. Enfermeira. Mestre pela Universidade Federal do Estado da Bahia

Downloads

Publicado

15.08.2013

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

1.
Dos Santos YS, Cruz de Jesus L, Dutra Cabral Portella S. A ENFERMAGEM E A ABORDAGEM DA MORTE INFANTIL: UM ESTUDO DE TRABALHOS QUALIS A. Rev Enf Contemp [Internet]. 15º de agosto de 2013 [citado 24º de julho de 2024];2(1). Disponível em: https://journals.bahiana.edu.br/index.php/enfermagem/article/view/252

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)