PÉ DIABÉTICO: CONDUTAS DO ENFERMEIRO

Autores

  • Gardênia Ingrid Leal de Sá Marques Santos Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Hospital Português
  • Jéssica Barbosa Mendes Capirunga Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Obras Sociais Irmã Dulce
  • Olívia Souza Castro Almeida Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Hospital Geral Roberto Santos

DOI:

https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v2i2.303

Palavras-chave:

Pé diabético, Cuidados de enfermagem, Autocuidado, Terapia, Prevenção e controle

Resumo

O pé diabético é responsável pelo grande número de internamentos e morbimortalidade dos portadores de diabetes mellitus. A maioria das úlceras podem receber tratamento ambulatorial, porém, quando associadas a infecção, precisam ser tratadas a nível hospitalar. A avaliação sistemática dos pés é essencial na identificação dos fatores de risco e na redução das chances de ulceração e amputação. O presente estudo possui como objetivo analisar na literatura nacional as informações referentes às condutas do enfermeiro perante ao tratamento e prevenção dos pacientes acometidos com pé diabético. Este estudo é uma revisão de literatura sistemática. A coleta de artigos foi feita no banco de dados do LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde), foram utilizados 22 artigos, que contemplam de forma integral os critérios de inclusão. Os resultados mostraram que existem diversas técnicas de tratamento para o pé diabético e que o papel do enfermeiro é de grande importância no tratamento e prevenção para o pé diabético. Concluiu-se que estes profissionais devem estar sempre capacitados e treinados para prestar uma atenção integral, humanizada e acolhedora. 

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Gardênia Ingrid Leal de Sá Marques Santos, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Hospital Português
    Graduanda em Enfermagem pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública e estagiária do setor de Pesquisa, alocada na Comissão de Pele do Hospital Português.
  • Jéssica Barbosa Mendes Capirunga, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Obras Sociais Irmã Dulce

    Graduanda em Enfermagem pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública e estagiária do Hospital Irmã Dulce

  • Olívia Souza Castro Almeida, Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública; Hospital Geral Roberto Santos

    Enfermeira. Mestre na área do cuidar no desenvolvimento humano. Professora Assistente do curso de Enfermagem da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Downloads

Publicado

23.12.2013

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

PÉ DIABÉTICO: CONDUTAS DO ENFERMEIRO. (2013). Revista Enfermagem Contemporânea, 2(2). https://doi.org/10.17267/2317-3378rec.v2i2.303

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 > >>